Sempre reclamei da sobra de tempo
sempre reclamei do vazio de emoções
da ausência de novidades
Mas hoje
reclamo da ausência de tempo livre
do turbilhão de emoções
da reação em cadeia que as escolhas provocam.


Hoje, me sinto dona do meu destino,
e responsável por interferir no destino de todos a minha volta.
Hoje me sinto uma bomba
que a qualquer hora, e em qualquer lugar pode explodir e não deixar pedra sobre pedra.

Porém, hoje me sinto completa nesse mundo vazio, me sinto tudo, neste mundo que é nada
me sinto eu

me sinto nós

me sinto...

Me sinto gente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário